quinta-feira, 28 de março de 2013

juventude, plenitude?

"Os sonhos se foram
a vida recomeça
os olhos se abrem
demonios fazem a festa

eis a minha juventude
toda minha plenitude
o mundo já perdeu a cor
não existe mais amor

a vida é falsidade
não se tem identidade
agem pelo interesse
me diz agora que mundo é esse

vi a verdade 
e descobri que não há
liberdade
nem respeito, nem direitos

Destroçaram os meus sonhos
agora algo medonho
eu só queria a minha paz
curtir um pouco e nada mais

eu precisava de compreensão
e pela vida uma paixão
mas querem que eu seja igual
o impossível é ser normal

Eu quero sonhos
eu quero flores
eu quero tudo
eu quero amores

quero respeito
e ter direito
de ser quem sou
de ser quem sou

e de pensar
de me expressar
de me mostrar
de viver...."

Um comentário:

  1. nossa flor como seu coração está triste. mas vc consegue traduzir em lindas palavras.


    bjus

    ResponderExcluir